Domingo, 28 de Novembro de 2010
Wonderful Life

 

Don't let go

Never give up, it's such a Wonderful Life


Sinto-me: Sem sono
Rocking: Hurts - Wonderful Life

Delineado por Summer às 04:40
Envia-me para todos | comentar | Fab Fav

Terça-feira, 19 de Outubro de 2010
Sushi Dress

Estava eu a ver o site da Kate Walsh (Addison, Clínica Privada) quando me deparo com a foto mais caricata de sempre:

 

Um vestido de sushi! Bem engendrado, sim senhora. Só isto mesmo para gozar com a vazia da Lady Gaga...
Para além do mais, com um propósito de apoio social. É mais uma forma de Kate nos mostrar a senhora que é.
Podem ver o vídeo da situação aqui:

Sinto-me: Com dores no braço

Delineado por Summer às 01:08
Envia-me para todos | comentar | Fab Fav

Segunda-feira, 18 de Outubro de 2010
Clínica Privada T3

Acabei de ver no site da FoxLife que a tão aclamada série Clínica Privada volta às nossas televisões dia 18 de Novembro. Será uma estreia de dois episódios. É exactamente de hoje a 1 mês!

Infelizmente Dezembro só chega daqui a algum tempo, no entanto mal posso esperar, não só pela série claro.

Na vossa opinião, que trará de novo esta série? Como será agora sem o Dell? Sinceramente, creio que a sua morte foi uma má escolha. Era uma das personagens que permitia aligeirar o ambiente que tantas vezes é dramático. Eu chorei quando ele morreu. Mas eu choro nos dramas das minhas séries preferidas.

 

Estou bastante desejosa de ver como o romance entre a Addison e o Sam se vai desenvolver. Há muito que na última série eu desejava que eles finalmente ficassem juntos, era algo frustrante de se ver. Se duas pessoas se amam devem ficar juntas. No entanto os episódios passavam e a Addison continuava a cometer o erro de se manter ao lado do Pete. Erro pois era bastante claro que ele amava a Violet e que a Addison nunca ficaria totalmente preenchida com ele, para além de que a sua química com o Sam era bastante evidente. E ficam sexys um ao lado do outro lool (embora eu ache que o melhor namorado dela foi aquele SWAT bonitão).

 

Outros pontos: a Naomi deveria deixar de ser tão chata. Ela e o Sam não estão juntos e se ela o quisesse tinha feito algo por isso. No entanto andou entre o William e o Fife, enrolada com um e outro... Claro estava que o Dr. Fife era o ideal para ela. No entanto nas séries eles nunca vêem isso .

 

Ainda:

Finalmente o Cooper e a Charlotte ficaram juntos. Acabar-se-ão as infantilidades deste e poderão casar?
A irmã de Shepard continuará a integrar o elenco? (sinceramente não vejo muita utilidade da sua personagem para a estória mas agora com a morte de Dell poderá está tomar um pouco mais de importância já que não são tantas as personagens)

Quem substituirá Dell?

Qual o seguimento de Sheldon?

 

Qual é a vossa opinião? O que irá acontecer de novo? O que gostariam que acontecesse?

E não vale ir ver as sinopses dos 4 episódios que já estrearam nos Estados Unidos

 

 

 


Sinto-me: a ver tv

Delineado por Summer às 00:11
Envia-me para todos | comentar | Fab Fav

Quinta-feira, 15 de Julho de 2010
Where did I go wrong?

Finalmente acabou. Agora. Exames ou testes, trabalhos infindos. Sinto-me esgotada.

Acabou agora; não tenho de o fazer mais por agora.

Só me apetece chorar. Estou a quebrar, há muito tempo, mas peguei nos pedacinhos espartiçados e colei-os no seu lugar, para os remendar apenas, não posso quebrar ou está tudo perdido já que sem quebrar também não corre tudo bem.

Mas agora caiu tudo, e há uma fragilidade em mim, que me faz ser um gatinho pequenino, num caixote na rua à chuva, e tudo passa à sua volta, mas nada passa por si... Estou fraca e estou farta. E estou presa. Não posso mudar, não posso fazer outra coisa. É este o curso que quero, sei-o há muito tempo, no entanto não é este o tipo de ensino que quero. E por mais que digam que é para nos preparar para o mundo real, eu não concordo e não quero uma vida assim em que só me apetece dormir profundamente para sempre todos os dias por me sentir uma falhada. Todos os dias sinto que o sou, que podia fazer mais do que estudar mais do que o dia inteiro, não sair de casa aos fins de semana, feriados ou qualquer hora. Nem para ler tenho tempo.

 

Odeio a escola onde estou. E não posso ser a única a ser infeliz naquele antro. Não. E sou miseravelmente infeliz lá e odeio aquela escola e o modo como me faz sentir e estar. Odeio não ter vida. Odeio que as minhas férias não existam enquanto que as dos outros alunos das faculdades X e Y acabaram no final de Maio... justiça não a há. E não é pelo meu bem! O meu bem não é eu ter de aprender as coisas em casa! Eu pago mil euros para que não me ensinem a matéria e eu estude em casa... odeio aquela faculdade.

 

Triste e fria é o que transparece, não modernidade e qualidade. E isso pode-se ver também pelo facto de chover lá dentro.

 

 

E há algo errado. Tudo acabou mas não sinto que tenha acabado... Não me sinto livre. Sinto-me como se houvesse um obstáculo, algo que não está no seu lugar. Sinto culpa por não estar a estudar, sinto que o devia estar a fazer, sinto-me presa, sinto que não são férias, falta algo! Falta falta falta e eu não o tenho, não sei o qe é e continuo a sofrer e a desejar apertar o meu coração para não doer mais...

 

 

Não quero mais falhar. Não quero mais atrasar-me. Aliás, o que eu queria mesmo mesmo era ter 18 anos e estar no Verão para sempre. Não envelhecer e poder ter liberdade. Mas isso não acontece. E entretanto vou continuar a sentir-me um gatinho pequenino sozinho, molhado, com frio, e infeliz.

 

 

A música fala sobre a perda de um amigo, como salvar uma vida... Mas eu perdi-me, quem salva a minha?


Sinto-me:
Rocking: The Fray - How to Save a Life

Delineado por Summer às 02:17
Envia-me para todos | comentar | Fab Fav

Sábado, 29 de Maio de 2010
I go to Sleep

Gosto bastante da noite.
É o momento preferido do dia. Gosto do silêncio, da ideia de mais ninguém estar acordado, de estar sozinha. Sou eu e não tenho ninguém a chatear-me, não tenho barulho a distrair-me. Todos dormem e eu posso ser eu... E, se pudesse, sê-lo-ia a noite toda.
Mas tenho de acordar cedo no dia seguinte.

 

É a noite. E todos descansam. E eu olho para o vazio e imagino. Até a minha gata dorme.

 

Olho à minha volta e é o nada. O sentimento não é o mesmo, e eu peço às horas parar não passarem. Não quero um dia seguinte; quero a noite de hoje. Quero o tempo, quero tudo, quero a falta de luz que me acalma e permite ser eu. Sem o tempo.

 

Eu e o tempo estamos zangados. Ele passa por mim a correr e já nem dá pela minha presença.

 

O ponto é: é a noite. Todos dormem, e tu? Eu sonho acordada. Imagino e por vezes fico onde estou. Não há força nem energia para sequer acordar. Não somos mais donos da vontade - tanto queremos mas a fragilidade do nosso corpo físico e mental cedeu. E à noite somos nós. Não se pode lutar.

 

Deito-me em cima da cama e olho para o tecto, por cima da colcha. O cansaço é tanto que gostaria de ficar nesta posição e não mais me mexer.

 

A luz do candeeiro é ténue e amarela. É reconfortante porque é só minha e só eu estou acordada, só eu devaneio e ninguém me pode mudar o rumo, como durante o dia.

 

Não comandamos as nossas vidas, estas levam-nos atrás. E à noite pouso a cabeça na almofada e afasto os cabelos para o lado, e vou dormir. E não durmo, não há tempo, e estou cansada e o tempo não volta.

 

 

Imagino que estás comigo, quando estou deitada. As lágrimas por vezes encontram o seu caminho para fora. E imagino que nunca estou sozinha e que por um único segundo no mundo, a vida é perfeita. E que nunca partiste de ao pé de mim. E vou dormir e estás comigo durante esse segundo perfeito em que o mundo não abate sobre mim, à noite. A noite.

 

E o dia. O dia que com tudo acaba. O dia que me arrasta quando eu já não consigo ir. E onde eu espero pela noite. Onde ninguém me fala. Onde ninguém me chateia. Onde ninguém me questiona. A noite que não me dá descanso.

 

Mas a noite que me ama para lá do dia.

Eu vou dormir e imagino.


Sinto-me: Cansada.
Rocking: I go to Sleep - Sia

Delineado por Summer às 01:30
Envia-me para todos | comentar | Fab Fav

Quarta-feira, 24 de Março de 2010
Programadora Gira?

A faculdade é um bicho de sete (seis, no meu caso) cabeças.

 

A faculdade é difícil. Cada vez percebo menos de cada disciplina :\. Uma boa coisa é que sei fazer em Computação Gráfica patos de borracha e casas de banho e banheiras e candeeiros... Não que isso sirva de muito agora não é (especialmente porque a linguagem usada para escrever esses bonitos programas nunca mais será utilizada após a próxima terça-feira... Fantástico.

 

De facto, o Professor (que tem ar de alien) nem sequer nos ensinou, exigem que saibamos nas avaliações mas nunca nos ensinam isso. Eu que me desenvencilhe. E é o que tenho feito. Aliás, nenhum professor ensina nada. Estou a pagar mais de 1000€ por ano para poder aprender sozinha coisas que não nos ensinam. Então o profe de Sistemas e Sinais... Acaba as aulas 40 minutos antes da hora, muito bonito, e já é a 2ªaula que não nos vai dar porque tem algo mais importante que o seu emprego (que é ensinar-nos!), e maravilhosamente há teste para a semana, sobre o qual eu não sei a matéria. Saberei até lá, espero eu.

 

Estou deveras irritada com a faculdade. Posso queixar-me genuinamente dela, é uma grande merda, passo a expressão.

 

O profe de Laboratório de SS sai duas vezes por aula da sala para ir tomar café.

O de Laboratório de CG gosta de matar patos e de patos radioactivos... (sem comentários)

A de Laboratório de AED (programação em C) chega 45 minutos atrasada e o único grupo à espera para ter aula ainda é o meu, porque eu sou responsável. Mas mesmo assim não importa, ela estar lá ou não estar é a mesma coisa, eu sozinha sei mais que ela :\.

O das teóricas de ACED (cálculo 3) parece que toma centenas de cafés misturados com cogumelos mágicos e ainda speeds. Sim, as aulas dele são assim tão frenéticas.

A profe das teóricas de PE (probabilidade e estatística) é histérica.

 

Não vale a pena continuar, já estou mais desanimada do que estava antes.

 

Mas hey! Fora isso a minha vida é quase perfeita. LOL


Sinto-me: Desanimada

Delineado por Summer às 20:38
Envia-me para todos | comentar | Fab Fav

Sábado, 20 de Março de 2010
...

Rawr. ^^


Sinto-me:

Delineado por Summer às 20:32
Envia-me para todos | comentar | Fab Fav

Segunda-feira, 15 de Março de 2010
Y las Mujeres somos Las de La Intuición

Uma música de Shakira, talvez mais conhecida por fazer parte de um anúncio aos carros Seat.
Seremos de facto intuitivas? Reconhecemos um interior sem o conhecer? Sentimos tempo não decorrido mas em nós presente?

Eu acredito que sim. Tal como a Shakira diz:

"I have a feeling inside
And intuition's always been a woman's guide
We've been wanting each other since before we were born
And I will love you even after I am gone
".

 

Claro que não somos videntes, não prevemos o futuro. Mas eu sinto definitivamente algo cá dentro e realmente a intuição é a das mulheres. Já por duas vezes escolhi não acreditar na minha intuição e enganei-me. Sofri com isso.

Por isso a nossa intuição é uma espécie de mãe, que nos avisa, mas já sabemos que raramente ligamos às lições sábias que as mães têm para oferecer...
 

A mulher é complexa. Quiçá o ser mais intrigante e o mais belo que existe. Todas as mulheres são especiais e sabemos muito que não poderíamos saber sem ser intuitivamente... Existem sentimentos fortes e que parecem ser de há mais tempo que o que são. Porquê? Porque é uma intução. Parece tudo certo, naquele momento o real não é a lei, mas sim o coração... Nós seguimos com o coração e, apesar de poucos, ainda há homens que os seguem com os seus.
 

Um acto maravilhoso é amar uma mulher. Amar, cuidar e proteger. E quando uma mulher ama de volta, a sua intuição disse que sim ao coração. É tudo valioso e é pena nem sempre se notar tal.

O meu pensamento sempre disse que não seria possível. O meu coração impediu-me de desistir contudo. Y las mujeres somos las de la intuicion.

Diz-me o que pensas dsa mulheres e da sua intuição! Diz-me como é ser uma delas ou estar com elas. Este espaço também está aberto à tua palavra ^^

 


Sinto-me: Mulher, Intuitiva
Rocking: Pure Intuition - Shakira

Delineado por Summer às 21:11
Envia-me para todos | comentar | Fab Fav

Domingo, 28 de Fevereiro de 2010
Dicas para o seu PC

Ora bem, neste post vamos falar de Informática. Como me parece que todos andam um bocadinho à nora com ela, resolvi colocar aqui umas quantas dicas que vos ajudassem a perceber algo básico nos computadores.

 

Dica número 1: Para que serve a RAM? Dicas culinárias

 

"RAM wha?! If you're not familiar with RAM, think of it like this: If your CPU were a cook, then your hard drive is the refrigerator, and your RAM is the kitchen table. When your CPU starts cooking dinner, it lays out food from your hard drive/refrigerator on your RAM/kitchen table for fast and easy access. If your RAM is too small, you might not have enough space for all the food when the CPU starts cooking a big Thanksgiving dinner. That's when you know you need more RAM."

 

Dica número 2: Tens medo de abrir o teu computador? Ele não é de Júpiter

 

"Computer hardware isn't the mysterious bad-boy you always thought. It s actually more like the mysterious bad-boy who just wants to be loved. Once you show hardware acceptance, it'll open up and totally love you back."

 

Dica número 3: Segurança acima de tudo antes de abrir um computador

 

"Ensure that you do not have static built up on your body. Static can damage computer internals. Do not wear a wool sweater, do not drag your feet on carpet, and do not rub a balloon on your head unless it's absolutely necessary."

 

Dica número 4: Diferença entre os Gb do Disco Rígido e os Gb da RAM

 

"RAM is the kitchen countertop and the HD is the store-cupboard. The bigger the countertop, the less trips you make to the store cupboard, and the faster you cook."
 

 

 

Quem é vossa amiga quem é? Aqui estão as dicazinhas de bom trabalho e funcionamento com um computador. Mistérios da Informática? Decifro-os todos! xD

Por isso já sabem, dúvidas informáticas? Não hesitem, Computadores para Tótós! Ahahaha  

 

 

Fontes:
Life Hacker

WikiHow


Sinto-me: Informática!

Delineado por Summer às 01:14
Envia-me para todos | comentar | Cuscar (1) | Fab Fav

Terça-feira, 16 de Fevereiro de 2010
How Many Lives Are Living Strange?

A vida é impressionante. O quanto uma vida pode mudar, no espaço de um ano. Tudo muda, tudo o que conhecíamos mudou e por fim acabou.

E ainda bem. A vida é feita de estágios, e cada estágio tem o seu tema, diferente dos seus sucessores e predecessores. E cada qual tem um objectivo: preparar-nos para a vida. É curioso, a vida prepara-nos para ela própria. E sabem porquê? Porque a pessoa mais importante da nossa vida somos nós, e ela quer tanto quanto nós que sejams felizes. E talvez tenhas chorado e acredito que não foste feliz aí, mas e agora? És feliz. E porquê? Porque a vida te preparou para ela.

 

 

A vida muda tanto em tão pouco tempo, e apesar de todo o sofrimento que ela proporciona por vezes, ela também nos diz: é o teu tempo de seres feliz. E eu sou. Chegou o meu tempo de ser feliz. E já sou há algum tempo. A partir do momento em que deixei de apenas respirar e passei a viver, fui feliz. Sózinha ou acompanhada, eu sou feliz. Porque eu não estou só; tenho a pessoa mais importante do mundo comigo: eu.

 

A vida mudou. Eu fiz por isso. Não se é feliz sendo sugado por um vórtex de sofrimento. E eu não sou. Eu sou feliz, porque eu fiz pela minha vida, eu lutei pelo que queria, ser feliz. Por isso, luta para seres feliz. A princípio tudo pode doer, mas és a pessoa mais forte do universo e serás feliz!

 

Tudo o que eu conhecia acabou. Coisas que sinto saudade, outras que queria apagar, mas a verdade é que todos os estágios levaram a uma coisa: ser feliz.

 

 

 

 

Bastava seguir o guia da Addison.

 

 

 

 

 

 

PS- Voltei.


Sinto-me: uma Lutadora
Rocking: Champagne Supernova - Oasis
tags:

Delineado por Summer às 01:30
Envia-me para todos | comentar | Cuscar (1) | Fab Fav

.More from me

. Profile

. Add

.Antinous
Sou do tipo emocional. Vivo cada emoção até ao limite. A minha vida é preenchida pela histeria das emoções. Sou toda eu uma emoção constante. Conheço apenas os extremos e não o intermédio. Amo ou odeio. Sou feita pelo desgaste psicológico. A intensidade sou eu, a paixão, o medo, os nervos, a liberdade, a felicidade, o sofrimento, sou toda eu. Levo a vida ao limite, vivo as emoções demasiado fortes. Sou do tipo que extravasa a tua vida.
.Novembro 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

29
30


.Recent drops

. Wonderful Life

. Sushi Dress

. Clínica Privada T3

. Where did I go wrong?

. I go to Sleep

. Programadora Gira?

. ...

. Y las Mujeres somos Las d...

. Dicas para o seu PC

. How Many Lives Are Living...

.Archive

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Julho 2010

. Maio 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Fevereiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

.Links
.Favoritos

. É a preguiça.

. 19

. Tristeza

.Search
 
.Joker.
.LPN Widget
.Addison
.Mike Shinoda <3
Mike Shinoda
blogs SAPO
.subscrever feeds